(015) 3346 0478

Siga-me

Nova Frente Parlamentar defende valorização da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional

A partir de uma proposição do deputado Carlos Cezar (PL), a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) instituiu a Frente Parlamentar da Valorização do Fisioterapeuta e do Terapeuta Ocupacional, com o objetivo de objetivo garantir as prerrogativas legais dessas profissões, estimular e valorizar as discussões de assuntos pertinentes às carreiras. A sessão solene do lançamento do grupo de trabalho ocorreu na manhã desta sexta-feira (5), no Plenário Juscelino Kubitschek.

O deputado propôs a criação da Frente Parlamentar depois de diálogos que manteve com profissionais das categorias, nos quais pode conhecer melhor as principais demandas das carreiras, tratativas apresentadas pelo Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 3ª Região (Crefito-3), por meio da sua Comissão de Assuntos Parlamentares – representada pela fisioterapeuta Renata Mazetti e pelo fisioterapeuta Maurício Rufino (Maurício Bem Estar), vereador em Araçatuba.

A Fisioterapia é a ciência responsável por restaurar, desenvolver e conservar a capacidade física do paciente nas especialidades muscular, ortopédica, cardiopulmonar, respiratória, neurológica, entre outras; já a Terapia Ocupacional é um campo de conhecimento e de intervenção que envolve o bem-estar nas esferas da saúde, educação e social.

“Até hoje, temos vivas em nossa memória imagens impactantes de UTIs lotadas, com abnegados profissionais tentando preservar a vida dos pacientes infectados pelo Coronavírus. Os fisioterapeutas e os terapeutas ocupacionais foram essenciais tanto na reabilitação de pessoas contaminadas pelo vírus, internadas nos hospitais, como no tratamento aos pacientes que precisam conviver com as sequelas da doença”, ressalta o deputado.

Membro da Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Alesp, Carlos Cezar é o relator do Projeto de Lei nº 137/2020, de autoria da deputada Janaína Paschoal (PRTB), que torna obrigatória a torna obrigatória a presença 24 horas de fisioterapeuta nas unidades de terapia intensiva (UTI) adulto e pediátrica. O projeto tramita no Legislativo e aguarda apreciação pelo plenário.

Além da coordenação de Carlos Cezar, a nova Frente Parlamentar da Alesp conta com outros 22 deputados apoiadores e, a partir do lançamento oficial, será definido um cronograma periódico de trabalhos. O Crefito-3 possui hoje 87.134 fisioterapeutas e 6.394 terapeutas ocupacionais ativos no Estado de São Paulo, fazendo com que os paulistas representem cerca de 20% dos profissionais credenciados em todo o Brasil.

© 2023 Criado por Abner Siqueira