(015) 3346 0478

Siga-me

Governo autoriza estudos para implantação de trem Sorocaba x São Paulo

O governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) anunciou nesta terça-feira (28) a qualificação de 15 projetos de concessões e de parcerias público-privadas (PPPs), investimentos que podem superar os R$ 180 bilhões em todo o Estado nas áreas de transporte intermunicipal, cultura, educação, habitação, desenvolvimento urbano, entre outras.

Iniciativa cobrada do Poder Executivo pelo deputado Carlos Cezar (PL) desde 2013, a implantação de um Trem Intercidades para o transporte de passageiros entre Sorocaba e São Paulo está entre os projetos autorizados.

A partir de agora, começa a fase de elaboração de estudos para análise de viabilidade das concessões e PPPs propostas, modelos de negócio para a estruturação desses projetos.

O trem Sorocaba x São Paulo integra um lote de investimentos que prevê concessões e expansões de linhas da CPTM e do Metrô, investimentos que somam cerca de R$ 69 bilhões.

O sistema de Trem Intercidades (TIC) prevê a criação de uma rede ferroviária regional com quatro linhas a partir da capital para o transporte regular de passageiros a Campinas, Sorocaba, São José dos Campos e Santos.

Carlos Cezar lembra que essa foi uma das principais propostas do plano de governo de Tarcísio e destaca o empenho do governador em cumprir o compromisso assumido com a população.

“É fundamental buscar essas parcerias com o setor privado para trazer os investimentos ao Poder Público, o que gera empregos e garante a execução dos serviços à população. Cumprimento o governador por, em 60 dias de gestão, demonstrar vontade política em resolver essa questão do trem entre Sorocaba e São Paulo, após quase 10 anos de expectativas frustradas”, destaca.

Elaboração de projetos

Há quase 10 anos, a população de Sorocaba e do municípios da Região Metropolitana convivem com anúncios de projetos de um trem de passageiros até São Paulo, porém, perspectivas que jamais se concretizaram.

Em setembro de 2013, a Secretaria dos Transportes Metropolitanos (STM), em resposta a ofício e visita do deputado Carlos Cezar, informou que “o projeto funcional para novo serviço de transporte ferroviário entre Sorocaba e São Paulo já está pronto” e seguiria em fase de “análise de Manifestações de Interesse da Iniciativa Privada (MIP), visando o prosseguimento do processo de licitação para elaboração de estudos ambientais, implantação e operacionalização da ligação expressa entre as cidades”.

No mês de abril de 2017, Carlos Cezar recebeu na Assembleia Legislativa o então titular da STM, Clodoaldo Pelissioni, Sorocaba deveria ser a segunda cidade contemplada num projeto de trem de média velocidade entre a capital e as Regiões Metropolitanas.

Sorocaba excluída

Ao longo de 2018, 2019 e 2020, o ex-governador João Doria anunciou em diferentes oportunidades planos de privatizações e PPPs para o transporte ferroviário de passageiros, o que incluiu um projeto de Trem Intercidades, em março de 2020, que não contemplava Sorocaba. Na ocasião, o deputado Carlos Cezar manifestou surpresa, indignação, através da imprensa e redes sociais, assim como apresentou questionamentos e providências ao Poder Executivo, através do Requerimento 91/2020.

Sem obter respostas, Carlos Cezar reiterou o pedido de informações em maio de 2020. Em julho do mesmo ano, a STM informou que priorizava o trem São Paulo x Campinas e que “outros serviços intercidades como Sorocaba, Santos e São José dos Campos, posteriormente, serão objeto de estudos e, tão logo concluídos, serão de conhecimento de toda população”. O quadro permaneceu inalterado até o encerramento da gestão 2019/2022.

© 2023 Criado por Abner Siqueira