Nós temos 24 visitantes online

Homem de Fé e Trabalhador

Tudo o que te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças" Eclesiastes 9.10
TwitterFacebookGoogleYoutube
Home » Administrador Geral
A+ R A-

O vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (SDECTI), Márcio França, visitou nesta, segunda-feira, (03/07), o município de Sorocaba. Ele veio a convite do deputado Carlos Cezar para uma agenda repleta de atividades.

Inicialmente, o vice-governador esteve no Parque Tecnológico de Sorocaba - Alexandre Beldi Neto, acompanhado pelo parlamentar e pelo secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, Roberto Freitas. Lá, assistiu uma apresentação sobre o complexo, conversou com professores da Fatec do município, que apresentaram os objetos produzidos por meio da tecnologia tridimensional (3D), biomodelos utilizados na área da medicina e conheceu as dependências da empresa Fusion, uma das incubadas no empreedimento, que está instalado em uma área de 1,8 milhões de m². O local conta com a incubadora Hubiz, mais de 20 negócios instalados e oito instituições de ensino.

Durante a tarde, o secretário conheceu a empresa Flextronics, que oferece soluções inovadoras para diversos segmentos. Ela atua em 35 países e tem mais de 200 mil funcionários. No Brasil são 11 mil postos de trabalho e a unidade de Sorocaba é a que mais emprega por ser responsável pela linha de montagem de diversos produtos, entre eles, painéis solares e impressoras.

No final do dia, França participou de um encontro promovido pelo deputado com mais de 20 prefeitos da Região Metropolitana e Administrativa de Sorocaba, na sede da prefeitura. Entre as autoridades estavam o deputado federal Jefferson Campos, o prefeito de Sorocaba José Crespo, além de outros chefes do executivo.

Na cerimônia, o secretário ressaltou as ações da Pasta e linhas de créditos de financiamento, como as da Desenvolve SP. "Essas medidas podem ser a solução rápida em tempos de crise. Estou convencido que o Brasil crescerá 4%", disse.

O vice-governador também mencionou que o ensino superior a distância é uma forma eficaz de formação. "Contamos com a Universidade Estadual do Estado de São Paulo, a Univesp, que esse ano já triplicou sua oferta de vagas para 10 mil. A meta é ofertar 250 mil vagas em um futuro próximo. Precisamos oferecer ensino superior de qualidade a todos os estudantes do Ensino Médio público", falou.

Fonte: Site da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de SP

Nesta quarta-feira (28/06), em reunião da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), o deputado estadual Carlos Cezar teve relatoria aprovada do projeto de lei que proíbe a duplicidade de cobrança nos pedágios das rodovias paulistas.

De acordo com o texto, as concessionárias só poderão cobrar uma vez por esse serviço, respeitando o prazo de 24 horas para o motorista pagar uma nova taxa.

Para ter isenção do pagamento do pedágio da volta, o motorista  precisará apenas apresentar o comprovante recebido anteriormente nas cabines dos postos de arrecadação.

“Apesar de contarmos com 19 das 20 melhores rodovias do país, a população sofre com o preço elevado dos pedágios. Queremos beneficiar especialmente aquele trabalhador que mora numa cidade, mas trabalha em outra e precisa pagar duas vezes o pedágio”, explicou Carlos Cezar.

Ainda de acordo com o projeto, as empresas concessionárias que descumprirem a lei, serão notificadas com advertências, suspensão temporária ou cassação definitiva da concessão, além da devolução do valor em dobro cobrado do motorista.


Na tarde desta terça-feira (27/06), no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, o governador Geraldo Alckmin assinou convênio com 121 municípios paulistas e entidades, totalizando R$ 17 milhões.

Esse foi o 5º lote de convênios do ano e, assim como a última leva, também priorizaram a saúde. Das 144 parcerias firmadas, 87 foram destinadas a pasta.

Entre os municípios beneficiados, quatro foram por meio de verba parlamentar apresentadas pelo deputado estadual Carlos Cezar, totalizando quase R$ 400 mil para a compra de ambulâncias e automóveis para transporte de pacientes.

As cidades beneficiadas pelo deputado foram: Rio Claro, Francisco Morato, Campo Limpo Paulista e Santo Antônio de Posse.


Na tarde desta quarta-feira (24/05), a Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) aprovou o projeto de lei n° 04/2017 - de autoria do deputado Carlos Cezar - que proíbe a cobrança, na mesma fatura, de serviços ou bens alheios nas contas de luz, água, telefone, gás, TV ou acesso à internet.

As cobranças indevidas em contas de consumo foram tema de reportagem do Jornal Bom Dia São Paulo da Rede Globo. Na ocasião a matéria revelou uma série de consumidores que tiveram cobranças de serviço de plano odontológico ou seguro de vida junto à conta de energia elétrica. A atual regulamentação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) permite a cobrança de bens ou serviços alheios, entretanto o consumidor precisa pedir os mesmos, fato que não ocorreu nos casos registrados.

“Muitos consumidores estão sendo prejudicados por incompetência ou má fé. Isso sem falar na grande parte das pessoas que nem se dão conta de que estão sendo lesadas. Lutarei pelo fim da cobrança alheia nas contas de consumo”, explicou Carlos Cezar.

De acordo com o projeto, o descumprimento da lei ocasionará a aplicação de multa no valor de 100 vezes o valor cobrado indevidamente, e o dobro no caso de reincidência.